Mulher concebida por doação de esperma descobre ter 65 irmãos

Daniel Reche/Pexels

Uma jovem, de 20 anos, que foi concebida através de doação de esperma, descobriu, após realizar um teste de DNA, que possui 65 irmãos por parte do doador. Brenna Siperki cresceu sabendo que sua mãe havia buscando pela inseminação para engravidar, mas não possuía qualquer informação sobre o homem.

Ao realizar o exame, ela descobriu, de imediato, 13 irmãos que haviam realizado o procedimento no mesmo laboratório. A partir disso, um deles adicionou a jovem a um grupo de mensagens, onde conheceu seus outros irmãos, fruto do mesmo doador.

A menina conseguiu conhecer pessoalmente todos os irmãos, seis deles moram no mesmo estado que ela, mas nenhum sabe a identidade do genitor A mais velha possui 27 anos, enquanto os outros têm entre 18 e 22 anos. O caso aconteceu em Maryland, nos Estados Unidos da América, onde a prática de doação de esperma em grande quantidade é comum.   

- PUBLICIDADE -