Mulher é presa com 2 kg de cocaína no sutiã no Aeroporto de Guarulhos

Divulgação/PF

A Polícia Federal (PF), em ações distintas realizadas no Aeroporto de Guarulhos entre os dias 9 e 10 de agosto, com a colaboração da Receita Federal, prendeu cinco mulheres tentando embarcar com droga fixada ao corpo e dentro das malas de viagem.

Na noite desta quarta-feira (9), foram presas quatro pessoas. Uma mulher, nacional da Guiana, que viajaria para os Emirados Árabes Unidos, foi flagrada por policiais federais que atuam no controle migratório, com 9 preservativos contendo quase dois quilos de cocaína diluída, ocultos em seu sutiã.

Em outra ação, realizada por servidores da Receita Federal com o auxílio de cães farejadores, foi identificada uma mala contendo material orgânico suspeito. A passageira, uma brasileira de 25 anos de idade que desembarcou de voo proveniente de Manaus, no Amazonas, foi conduzida à PF e presa em razão do transporte de 12 Kg de maconha.

Nesse mesmo dia, policiais federais flagraram duas mulheres paraguaias que chegaram ao aeroporto por via terrestre, a partir do Paraná, transportando, cada uma, quase dois quilos de cocaína fixadas às suas coxas. Elas pretendiam levar a droga para a Espanha.

A última ação, esta realizada na madrugada de hoje (10), resultou na prisão de uma mulher, nacional da Nigéria e que possui Registro Nacional de Migrante (RNM), em razão da tentativa de embarcar em voo para o Catar transportando mais de um quilo de cocaína, ocultos dentro de casaco e nas estruturas de sua mala de viagem

- PUBLICIDADE -