GCM faz manobra de desengasgo em bebê de cinco meses na base operacional do Jardim Adriana

- PUBLICIDADE -
C&C

Um bebê de cinco meses engasgado foi socorrido por agentes da inspetoria ambiental da Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos neste domingo (3). Eles foram abordados pelos pais, que entraram em desespero no estacionamento da unidade operacional, no Jardim Adriana, e rapidamente aplicaram a manobra de Heimlich na criança.

Após a desobstrução das vias respiratórias e a recuperação dos sinais vitais, a criança foi encaminhada a cuidados médicos, mas já recebeu alta. A técnica de desengasgo é um procedimento que faz parte do treinamento de todos os guardas, uma vez que o engasgo é considerado uma emergência, que pode levar à morte, e a ação rápida evita complicações.

O atendimento pré-hospitalar é uma disciplina contínua dos guardas e permite o primeiro atendimento no local, antes do paciente ser levado a um serviço médico. No quadro da Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Guardas de Guarulhos há dois GCMs instrutores com graduação em enfermagem e pós-graduação em atendimento de urgência e emergência, dentre outras especializações na área.

- PUBLICIDADE -