Vereadores do PT tentam ‘salvar’ Almeida

Antes da votação, os vereadores do Partido dos Trabalhadores (PT), antiga sigla de Almeida, tentaram evitar que as contas fossem rejeitadas. Segundo Edmilson Souza, a Casa de Leis estaria tentando impedir que o ex-prefeito fosse candidato nas próximas eleições.

“Não vou me ater às questões partidárias. Ainda está na cabeça de alguns o palanque eleitoral do ano passado. É nosso governo, governo do PT, com erros e acertos. Não fazemos política da conveniência. Não se inviabiliza candidatura rejeitando contas como querem fazer com Almeida. Não vou votar nele, não vou fazer campanha pra ele, mas não vou fazer campanha de inviabilizar adversários”, disse.

A mesma opinião foi compartilhada pela vereadora Genilda Bernardes, ex-secretária de Desenvolvimento e Assistência Social no governo Almeida. “Ali nada tem de imoral que desabone a figura do prefeito Almeida. Eu não iria pra minha casa dormir em paz sendo secretária desse governo e rejeitando as contas”, afirmou.
No entanto, os argumentos foram questionados por outros parlamentares. “Não estamos aqui para referendar qualquer candidatura no futuro. Essa Casa tem que ser exemplo para os administradores saberem separar o que é público do que particular. Hoje a cidade está como está, fruto de uma má gestão”, destacou o vereador Laércio Sandes (DEM).

Reportagem: Rosana Ibanez