Fim de feriado: fuja dos horários de pico nas estradas paulista

Fim de feriado: fuja dos horários de pico nas estradas paulista

Assim como na ida, concessionárias programaram operações especiais para evitar que o motorista fique parado nas estradas

Com o fim do feriado, o movimento nas estradas acaba se intensificando e preocupando os motoristas. Por isso, as Rodovias do Governo do Estado de São Paulo estão preparadas para atender os seus usuários e garantir maior segurança e agilidade na volta para casa.

As concessionárias calculam que aproximadamente 1,8 milhão de veículos devem circular pelas rodovias que têm acesso à Região Metropolitana de São Paulo. Desde quinta-feira (29), as empresas estão empenhadas em oferecer auxílio aos motoristas que necessitarem de alguma emergência.

Desde então, as rodovias estão reforçando o monitoramento e disponibilizando equipamentos de segurança, como call box, câmeras de TV, painéis de mensagem, veículos de apoio e equipe técnica. Além disso, um número maior de guinchos, ambulâncias e veículos operacionais em geral estão preparados para atender à população.

Outra alternativa para tornar mais rápida a viagem dos paulistas é a implantação da operação “papa-fila” nos pedágios, que agiliza a passagem nas cabines de cobrança manual, quando necessário.

Assim como na ida, os usuários poderão consultar os sites das concessionárias para visualizar, em tempo real, as condições de tráfego do trecho administrado da rodovia. O trabalho é desenvolvido também em parceria com a Polícia Militar Rodoviária.

Viagens de ônibus

A ARTESP trabalha intensamente para fiscalizar serviços irregulares de ônibus. Por isso, quem optar viajar por esse sistema deve ficar atento a empresas clandestinas. Isso expões os passageiros a vários riscos, uma vez que o veículo não é vistoriado para esse fim e não há garantia de que o motorista seja habilitado para atuar no transporte coletivo.

Assim, o usuário pode contatar a Ouvidoria da ARTESP em casos de irregularidades, bem como más condições do veículo, falta de higiene ou atrasos, entre outros eventuais problemas. Através do telefone 0800 727 83 77 ou do e-mail artespouvidoria@sp.gov.br, todas as reclamações serão apuradas.

LITORAL

Sistema Anchieta-Imigrantes

Entre 175 e 290 mil veículos devem deixar a capital paulista em direção ao Litoral de 0h de quarta-feira (28) até a meia-noite de domingo (01). Sendo assim, a Ecovias programou operações especiais.

Na volta do feriado, o tráfego deve se intensificar no domingo, a partir das 10h, horário em que está prevista a implantação da Operação Subida (2×8), que deve permanecer em vigor até às 23h.

Nesta operação, a subida será feita pelas duas pistas da rodovia dos Imigrantes e pela pista norte da via Anchieta. A descida será realizada somente pela pista sul da Anchieta. Vale lembrar que a inversão de sentido das rodovias do SAI, durante as operações de tráfego, ocorre apenas no trecho de Serra.

Ayrton Senna/Carvalho Pinto

Durante todo o feriado, a Ecopista prevê um tráfego de cerca de 833 mil veículos. Ela ainda supõe que o tráfego seja mais intenso entre 12h e 19h do dia 1º em direção à capital,.

Rodovia dos Tamoios

Cerca de 113 mil veículos devem utilizar as pistas rumo ao Litoral Norte durante o fim de semana prolongado. A operação especial de Páscoa na Rodovia dos Tamoios, que teve início na quinta-feira (29), também acontecerá no retorno, no domingo (01). A pista de subida voltará a ter sua configuração normal, com duas faixas de rolamento, ficando a pista de descida com uma faixa.

A partir das 12h da quinta-feira (29) até às 13h de segunda-feira (02), as obras realizadas no trecho de Serra para a duplicação da pista e nos demais trechos da rodovia serão interrompidas, exceto no sábado (31), quando as obras poderão ocorrer, condicionadas ao fluxo de tráfego. Uma equipe de manutenção estará de sobreaviso para eventuais emergências.

INTERIOR

Sistema Anhanguera-Bandeirantes

A previsão é que até 680 mil veículos passem entre saída e chegada à Capital no período de quinta a domingo. Para a viagem de retorno, o período de maior fluxo será entre 12h e 23h do dia 1º.

Na sexta-feira (30) e no domingo (01), das 14 às 22 horas, os caminhões que se destinam à Capital pela Rodovia dos Bandeirantes (SP-348) devem utilizar a Via Anhanguera (SP-330) no trecho do km 48 ao km 23, entre Jundiaí e São Paulo, acessando a rodovia pela Saída 48 da Bandeirantes.

Sistema Castello Branco-Raposo Tavares

Para essas vias, está prevista a passagem de 513 mil veículos. A concessionária ViaOeste espera tráfego intenso no o retorno à Capital no domingo. A previsão é de fluxo intenso das 10h às 23h. A concessionária prestará apoio à fiscalização feita pela Polícia Militar Rodoviária.

RODOANEL

Durante a Páscoa, deverão passar 374 mil veículos pelo Trecho Sul e 129 mil pelo Trecho Leste. Na volta, o fluxo maior deve ocorrer entre 11h e 15h e depois das 19h no domingo. Assim como na ida, nos dias de maior fluxo, a SPMar implantará também a operação papa-fila para agilizar a venda e cobrança de cupons de pedágios.

Já no Trecho Oeste estima-se que cerca de 837 mil veículos utilizem a rodovia entre a próxima quinta-feira e domingo. Na volta do feriado, a previsão é de tráfego normal em ambos os sentidos.

Emergência

É importante ter em mãos os telefones de atendimento das operadoras das rodovias e da Polícia Militar Rodoviária para eventuais emergências. O serviço de ajuda ao usuário, prestado pelas concessionárias de rodovias, é gratuito e está disponível 24 horas.

O atendimento auxilia desde uma simples troca de pneu até a remoção de vítimas de acidentes e prestação de primeiros socorros.

Deixe seu Comentário