Teatro Adamastor recebe espetáculo ‘O livro dos espíritos – A saga de Kardec’ nesta sexta-feira

O Teatro Adamastor, localizado na avenida Monteiro Lobato, n° 734, no bairro do Macedo, recebe nesta sexta-feira (26), o espetáculo ‘O livro dos espíritos- A saga de Kardec’, às 20h30. Em seu sexto ano de temporada com o espetáculo de sucesso de público “Allan Kardec – Um olhar para a eternidade” – visto por cerca de 500 mil pessoas em apresentações por mais de cem cidades do Brasil –  e há seis meses em cartaz, no Rio, com a peça “O encontro espiritual de Léon Dennis & Joanna de Ângelis”, a Arantes e Amar Produções dão pontapé inicial a mais um projeto que promete repetir o mesmo empenho das demais montagens. A peça “O livro dos espíritos – A saga de Kardec”, com texto assinado por Tiago Santiago e Altenir Silva, estreia temporada em breve. A direção é de Rogério Fabiano e Érica Collares, que também estão em cena. Ana Carolina Rainha, Cláudio Gardin e Antônio Pina completam o elenco.

Inspirada no livro homônimo de Kardec, a peça “O livro dos espíritos – A saga de Kardec” é uma adaptação de passagens específicas de vida do educador, escritor e tradutor francês Hippolyte León Denizard Rivail, no século XIX: do momento em que é apresentado a experiências mediúnicas, abordando as sessões de mesas girantes, suas pesquisas, o amadurecimento de sua fé, o contato com o Espírito da Verdade e as dificuldades, até a decisão de publicar o seu primeiro livro sobre a Doutrina Espírita, chamado “O livro dos espíritos”, sob o pseudônimo de Allan Kardec.

Diferentemente da produção “Allan Kardec – Um olhar para a eternidade”, em que são pontuadas a vida e obra do missionário, do seu nascimento à sua morte, em “O livro dos espíritos – A saga de Kardec” não há a proposta de biografia, mas, sim, de destacar cenários fundamentais que deram origem à sua primeira grande obra da Codificação Espírita. Sendo assim, são duas produções independentes, não comprometendo o entendimento do expectador caso ainda não tenha assistido à “Allan Kardec – Um olhar para a eternidade”. Ou seja, o público pode ver sem medo e apreciar o texto emocionante de uma etapa singular do espiritismo.

E mais uma vez cabe ao ator Rogério Fabiano interpretar Kardec, o que já faz há seis anos consecutivos no teatro. “Dar continuidade à obra de Allan Kardec no teatro será, com certeza, um outro marco emocionante na minha carreira. É um desafio, pois agora é o mesmo personagem, mas em função da formatação do ‘Livro dos Espíritos’’, orgulha-se ele, com quase 40 anos de carreira.

No palco, Érica Collares vive de novo Amélie Gabrielle Boudet, esposa de Kardec, e ela comemora essa nova fase. “Neste novo espetáculo poderei exibir ao público a importância de Amélie Boudet, esposa de Allan Kardec, que esteve ao lado dele em todas as suas etapas, ajudando-o e encorajando-o para a publicação do ‘Livro dos espíritos’. É realmente uma missão prazerosa”, diz ela, que considera os projetos uma missão de amor.