Antônio Boaventura

antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br

A primeira sessão da Câmara Municipal neste ano foi marcada pela participação do prefeito Guti (PSB). Nela, o chefe do Executivo pediu o apoio dos parlamentares na avaliação das propostas do governo que, segundo afirmou, serão benéficas para a população guarulhense nos próximos anos. Ele também ressaltou a importância dos vereadores durante o processo de negociação da concessão dos serviços do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saee) para a Sabesp.

“Venho pedir o máximo de empenho possível do Legislativo, assim como foi no biênio anterior. Grandes temas foram aprovados nesta Casa e conseguimos avançar muito na nossa cidade. Sabemos que ainda falta muito para que a gente tenha uma cidade acolhedora, uma cidade onde a qualidade de vida seja exemplar. Pegamos uma cidade com muitos problemas”, destacou.

De acordo com o prefeito, para que a realidade do município possa se transformar é necessário que os poderes Executivo e Legislativo trabalhem em harmonia.

“Mas, com muito trabalho a gente está conseguindo reverter e não isso existe Executivo forte o suficiente pra fazer isso sozinho. Nós precisamos do Legislativo. É impossível também o Legislativo recuperar uma cidade de maneira autônoma”, explicou.

Por fim, Guti agradeceu o apoio que teve da Câmara Municipal na aprovação do projeto de lei que autorizou a administração pública negociar os serviços de abastecimento de água e tratamento de esgoto, realizados pelo Saae, com a Sabesp pelo período de 4 anos, além de congelar a dívida de R$ 3,4 bilhões da autarquia guarulhense com a empresa de capital misto.

“Os poderes são independentes, mas precisam trabalhar harmonicamente. Eu quero destacar que se não fosse este Legislativo nós não teríamos conseguido avançar nas negociações da Sabesp. Já conseguimos extinguir algo em torno de 55% da nossa divida”, observou.

Foto: Ivanildo Porto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here