Servidores em Guarulhos poderão ter o 13° de vale-alimentação a partir de 2024

Marcello Casal Jr - Agência Brasil
- PUBLICIDADE -
C&C

A Prefeitura de Guarulhos encaminhou um projeto de lei à Câmara Municipal que institui um 13º crédito para o vale-alimentação de todos os seus mais de 20 mil servidores. Se aprovado, o benefício será válido a partir de dezembro de 2024, o que incluirá os trabalhadores do Instituto de Previdência dos Funcionários Públicos Municipais (Ipref). Atualmente o vale-alimentação é de R$ 1.100.

O benefício deverá ser pago até dezembro de cada ano e será estendido à servidora que esteja em período de licença-maternidade, o mesmo para o funcionário que esteja afastado do trabalho por acidente ou doença há menos de 180 dias.

“Trata-se de um benefício mais do que justo para o nosso time, que trabalha o ano todo para levar o serviço mais eficiente ao cidadão guarulhense. Vamos garantir que o servidor tenha o melhor período de festas de final de ano possível, já que é uma época que implica mais gastos à população”, comentou o prefeito Guti.

De acordo com o chefe do Executivo, a bonificação extra é mais um estímulo positivo para o desenvolvimento funcional, oferecida como uma forma adequada de valorização atrativa no âmbito da carreira pública.
“A instituição de uma décima terceira cesta de alimentação faz parte de um amplo pacote de benefícios ao servidor, que recebe um dos maiores valores de vale-alimentação entre as prefeituras do país”, completou Guti.

Segundo o prefeito, o intuito do projeto é estimular a permanência na administração pública e criar expectativas positivas em relação à própria remuneração, o que proporciona um ambiente de trabalho mais harmônico e produtivo.

 

- PUBLICIDADE -