Escola Viva de Artes Cênicas apresenta espetáculo Se é que um dia a gente vai se olhar

Neste mês, a Dança IV compartilha a finalização de seu processo de trabalho, vivenciada de 2015 a 2016. A turma focou seus estudos na criação de partituras a partir de investigação do movimento e da criação coletiva. A dramaturgia é composta pela relação dos corpos em coro e solos com interação no espaço, buscando formas de compartilhamento por meio da dinâmica de aproximação e distanciamento em cena.

Trata-se de uma abertura de processo, caracterizando-se em momentos que o coletivo da escola mostra percursos de trabalho, promovendo relação com o público, entendendo-a como parte fundamental da arte contemporânea da obra aberta, processual. Assim, o caráter de “espetacularização” é substituído pelo conceito e prática do encontro, pressuposto fundamental da completude artística. Realizadas a cada módulo, as atividades são essenciais à formação crítica dos aprendizes-artistas.

Se é que um dia a gente vai se olhar é um exercício em dança que investiga as possibilidades de aproximação entre os corpos. As intérpretes percorrem modos diversos de afetar e serem afetados em coros e solos.

A entrada é franca, as apresentações ocorrem na rua Francisco Foot, 3, no Jardim Tranquilidade, e para maiores informações, ligue 2229-5043/[email protected]
As apresentações no Teatro Padre Bento ocorrem nos dias 19,20, 26 e 27 de novembro. Com apresentações nas sextas às 20h, e sábados às 19h.