Casal é encontrado morto em Sorocaba

Um casal de namorados e escreventes do judiciário foi encontrado morto dentro da casa de uma das vítimas, em Sorocaba (99 km de SP), na manhã de quarta-feira. Segundo a polícia, o caso é tratado como homicídio seguido de suicídio.
Conforme informações da Polícia Civil, José Júlio Ferreira Cintra de Almeida Prado Júnior, 48 anos, matou sua namorada, Simone Lanzoni, 46 anos, com um tiro na cabeça, dentro da residência dela, e na sequência se matou também com um tiro.
A filha de Júnior encontrou o casal na cama por volta das 11h30. Eles estavam de roupas íntimas. A arma, um revólver calibre 38, foi apreendida próximo de Prado.
Segundo a polícia, vizinhos ouviram discussões entre o casal e alguns disparos. A filha de Simone disse em uma rede social que o suspeito pelo crime era ciumento e já tinha alertado a mãe.
O caso é investigado pela DDM ( Delegacia de Defesa da Mulher) da cidade, que vai ouvir nos próximos dias os familiares do casal para saber sobre a relação dos dois e tentar descobrir a motivação para o crime.
Segundo a Polícia Civil, o casal trabalhava no fórum da cidade.

(Folhapress)
Foto: Reprodução/ Carlos Dias/G1

- PUBLICIDADE -