A dois dias da eleição, Márcio França dispara e João Doria cai nas intenções de votos

Foi divulgada nesta sexta-feira (26), a dois dias da eleição, nova pesquisa do RealTime Big Data/TV Record. Na comparação com o levantamento anterior do mesmo instituto, realizado terça-feira (23), o candidato ao governo de São Paulo pelo PSB, Márcio França, arrancou de 47% para 50%. Do outro lado, seu concorrente, João Doria (PSDB), despencou 3 pontos percentuais.

O crescimento de Márcio França foi constante durante o primeiro turno e, em diversas pesquisas, o candidato foi o único a melhorar seu desempenho.

Todas as regiões paulistas é o aumento da rejeição do tucano, que ocupou a liderança neste quesito deste o início da disputa. O repúdio a ele, ainda na comparação com a pesquisa do dia 23, saltou de 35% para 40%. Esse percentual dá conta do total de eleitores pesquisados que declararam que não votariam de jeito nenhum em João Doria.

Márcio França, ao contrário, é cada vez mais aceito pelos eleitores, uma receptividade que só faz crescer mediante sua presença em todas as regiões do estado, da apresentação de propostas de governo plausíveis e criativas e de sua exposição nos debates.

“Quando a campanha começou, no primeiro turno, quase ninguém me conhecia. Depois eu passei a ter a chance de me apresentar e de explicar o que pretendo fazer para a população paulista de todas as regiões em áreas como saúde, segurança pública, educação, mobilidade urbana e cultura. Eu tenho percebido que as pessoas enxergam verdade naquilo que digo e proponho. Eu não sou um produto de marketing”, afirma o novo governador.

França tem destacado que a disputa deixou de ser apenas partidária. Mas uma “eleição da verdade contra a mentira”. Com um jeito de governar próximo das pessoas, Márcio tem conquistado o apoio de centenas de prefeitos e lideranças políticas pelo estado, que verificam no candidato a viabilização de um governo que apoiará os municípios e as demandas dos paulistas.

“São Paulo quer mudança, são 24 anos de PSDB. Se você também acha que pode ter uma mudança, uma renovação, dê uma chance para o novo acontecer em São Paulo. O novo já está acontecendo”, disse em suas considerações finais no último debate da campanha, realizado ontem, na TV Globo.

A pesquisa RealTime Big Data divulgada hoje foi encomendada pela RecordTV. No levantamento, foram ouvidos 3 mil eleitores paulistas ontem, dia 25. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. Os registros no TSE e no TRE-SP foram protocolados sob os números BR-0442/2018 e SP-04178/2018, respectivamente.

Foto: Patrícia Cruz