Câmara promove audiências da Lei Orçamentária entre os dias 22 e 29

Antônio Boaventura

[email protected]

A Câmara Municipal discute a partir do próximo dia 22 o orçamento da prefeitura para 2019 estimado em R$ 4,8 bilhões. O projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2018 será discutido até o dia 29 deste mês. As audiências públicas contarão com a presença dos secretários e coordenadores municipais, além dos presidentes das autarquias que falarão dos orçamentos de cada pasta junto aos parlamentares que compões a comissão.

A análise das propostas no Legislativo terá a presidência do vereador João Dárcio (Podemos). Após a deliberação do projeto, ele entende que há a necessidade de estar preparado para a discussão dos propósitos e desafios para a cidade no próximo ano. Dárcio também espera contar com a participação da população durante o debate.

“Nós deliberamos projeto que define o orçamento em 4,8 bilhões e vou analisar detalhadamente o que envolve cada secretaria e estar preparado para discutir do 22 ao dia 29 as audiências públicas com a população e as áreas afins o orçamento anual de cada pasta. Claro, que precisamos de mais. Mas, o mais importante que o recurso é a importância em saber investir”, explicouo.

Ele acredita que o recurso previsto precisa ter destinos bem definidos, além do bom uso do dinheiro público para que o município possa sanar seus problemas e não traga maiores prejuízos à população durante o próximo ano. O mesmo entende que é preciso ouvir também o que os munícipes esperam do governo para que o orçamento atenda seus anseios.

“Não adianta ter o dinheiro e não ter uma boa equipe para investir de acordo com a necessidade da cidade. Por isso que é importante as audiências públicas para ouvir não só os representantes das pastas, mas as pessoas para saberem o que elas querem  e esperam da administração municipal”, observou.

Foto: Ivanildo Porto