TikTok ganha “Não Perturbe” e mais recursos de privacidade

O TikTok anunciou um apanhado de recursos voltados para a privacidade e a segurança de crianças e adolescentes em sua plataforma.

Mais precisamente, a empresa confirmou uma série de mudanças para usuários entre 13 a 17 anos, com o objetivo de tornar a experiência com o TikTok “mais privada, segura e menos viciante”. Isso acontece após medidas semelhantes anunciadas por outras empresas de tecnologia, como Google, YouTube e Instagram.

Limite de notificações

Uma das mudanças mais interessantes lembra o recurso “Não Perturbe” do iOS, o qual minimiza as notificações em determinados horários.

Usuários de 13 a 15 anos não receberão notificações push depois das 21h, enquanto os de 16-17 anos não receberão nenhuma notificação após as 22h.

O TikTok não explicou se esses ajustes e horários passarão a ser definidos por padrão, mas as notificações são retomadas na manhã seguinte, a partir das 8h.

Privacidade

Entre as mudanças envolvendo privacidade, o TikTok disse que novos usuários com 16-17 anos terão sua configuração de mensagens diretas definidas como “Ninguém” por padrão, e que usuários já existentes nessa faixa etária serão solicitados a revisar e confirmar suas configurações na próxima vez que usarem o recurso de mensagens.

O aplicativo também exibirá, agora, uma mensagem quando um adolescente com menos de 16 anos publicar seu primeiro vídeo, na qual ele será solicitado a definir quem pode assistir ao conteúdo: seguidores, apenas amigos ou apenas ele mesmo.

Adolescentes de 16 e 17 anos também serão solicitados a definir se seus vídeos podem ou não ser baixados por outras pessoas. Embora o TikTok não impeça que esses usuários disponibilizem seu conteúdo para download, o app exige a confirmação da escolha — lembrando-os que, ao fazer isso, os vídeos poderão ser compartilhados em outras plataformas.

A opção de fazer download permanece desativada para usuários de 13 a 15 anos.