Dicas para quem usa aparelhos auditivos no verão

Foto: Pixabay

As altas temperaturas do verão estão levando muitas pessoas às praias, piscinas, rios e cachoeiras. Por isso, além do uso do protetor solar, quem tem problemas de audição precisa tomar outros cuidados para evitar o desgaste de seus aparelhos auditivos. Mas nada que impeça o usuário de ouvir e de se comunicar com os amigos e parentes durante esses momentos de lazer.

O uso de aparelhos auditivos não impede que a criança ou o adulto frequente esses lugares. Basta ter cautela. “Não pode deixar os aparelhos à exposição solar extrema. Além disso, é preciso manter a limpeza habitual, sempre com um pano macio, e usar o desumidificador elétrico perfect dry para remover a umidade e evitar que o seu funcionamento seja afetado. São alguns cuidados recomendados para manter a vida útil dos aparelhos auditivos”, explica a fonoaudióloga Rafaella Cardoso, especialista em Audiologia na Telex Soluções Auditivas.

Já no ambiente doméstico, a fonoaudióloga aconselha que a colocação e a retirada dos aparelhos auditivos das orelhas sejam feitas em locais com boa iluminação. O usuário também deve estar sentado sobre superfícies macias, como sofá ou cama, para evitar a queda dos aparelhos auditivos no chão. Guardá-los na embalagem original também pode prevenir acidentes.

Mesmo em ambientes aquáticos, como praia e piscina, o uso de muitos modelos de aparelhos auditivos já é seguro, pois eles têm certificação de resistência à água e poeira – IP (Ingress Protection). Mas lembre-se de remover seus aparelhos auditivos das orelhas nos casos de contato direto com a água. E é muito importante o uso do desumidificador elétrico após essas atividades.

São vários os modelos de próteses auditivas de última geração com classificação IP 68, como os da Telex Soluções Auditivas: Oticon Opn S™, Oticon Xceed, Oticon Siya e, para a criançada, o Oticon Opn Play e o Oticon Xceed Play. A título de comparação, o iPhone 12 possui a mesma classificação IP 68.

- PUBLICIDADE -