Servidores públicos deverão deixar o teletrabalho

Foto: Freepik

À medida que adotava o teletrabalho e definia o afastamento de pessoas do grupo de risco aos servidores e empregados públicos desde setembro de 2020, ano de início da pandemia da covid-19,  fazia parte do decreto nº 37.268/2020, que dispõe sobre medidas de prevenção ao coronavírus no âmbito da administração pública de Guarulhos, revogado pelo prefeito da cidade, Guti está semana.

A revogação foi publicada no diário oficial da última quinta-feira (16). Com a medida, todos os servidores deverão retornar ao trabalho presencial estando ou não com o esquema vacinal contra a covid-19 completo.  

- PUBLICIDADE -