GCM apoia Polícia Civil em prisão de suspeito do assassinato de ex-secretário de segurança

Foto: Divulgação/PMG

A ronda ostensiva (Romu) da Guarda Civil Municipal (GCM) apoiou a Polícia Civil, na manhã desta quinta-feira (4) no Jardim Crepúsculo, na prisão de um dos suspeitos do homicídio do empresário Aparecido Begosso, de 66 anos. O homem foi encontrado escondido dentro de uma caixa d’água e a polícia segue em busca do paradeiro de outros suspeitos do crime. Begosso foi secretário-adjunto de Segurança Pública de Guarulhos.

O assassinato de Begosso ocorreu dentro do escritório de um lava-rápido de sua propriedade próximo ao Trevo de Bonsucesso, no dia 19 de outubro, quando foi surpreendido por três homens com rostos cobertos e morto com tiros de arma de fogo. Na ocasião, duas funcionárias do empresário foram rendidas e assaltadas.

Um dos suspeitos foi detido ainda naquela ocasião, durante a tentativa de fuga. O carro utilizado pelos criminosos, que havia sido abandonado em Cumbica, e três celulares foram apreendidos. A Polícia Civil continua a investigação a fim de concluir o caso.