Oscar 2022: Quais são os indicados na categoria de melhor filme

Foto: Pixabay

A cerimônia do Oscar 2022 acontece no próximo domingo (27), e tem como grande atração a categoria de Melhor Filme. Ao que tudo indica, pelo resultado das disputas consideradas como “termômetro” para o Oscar, Ataque dos Cães, da diretora Jane Campion, é o principal cotado a levar o grande prêmio deste ano, já que foi premiado no Bafta (Academia britânica), DGA (Sindicato dos Diretores) e Critics Choice Awards. No Ritmo do Coração corre por fora, tendo levado a melhor no PGA Awards e no SAG Awards.

Além do faroeste sobre relações tóxicas e machismo e o filme sobre a relação de uma jovem com seus familiares surdas ao se descobrir cantora, também estão na lista de indicados Belfast, Não Olhe Para Cima, Drive My Car, Duna, King Richard: Criando Campeãs, Licorice Pizza, O Beco do Pesadelo e Amor, Sublime Amor

Entre as produções, há algumas disponíveis em serviços de streaming como Netflix, Amazon Prime Video e HBO Max. Clique aqui para conferir onde assistir cada longa.

Conheça um pouco mais sobre os indicados ao Oscar em 2022 abaixo

Ataque dos Cães

Fugindo dos clichês de filmes de faroeste, o filme da diretora Jane Campion traz dois irmãos administradores de uma fazenda em Montana, nos Estados Unidos, que possuem temperamentos opostos, George (Jesse Plemons) e Phil (Benedict Cumberbatch). O equilíbrio entre a dupla chega ao fim quando George se casa com a viúva Rose (Kirsten Dunst), mãe de um adolescente, Peter (Kodi Smit-McPhee). A partir daí, Phil tenta sabotar o casamento do irmão. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Trilha Original, Melhor Fotografia e Melhor Montagem.

No Ritmo do Coração

O longa mostra a história de Ruby, adolescente que é a única que ouve em uma família surda. Tímida, se inscreve no coral da escola e acaba descobrindo um grande talento musical ao lado de seu professor, enquanto se vê diante do dilema do quanto se afastar da própria família. Dirigido por Siân Heder, conta com Emilia Jones, Marlee Matlin, Eugenio Derbez, Troy Kotsur e Daniel Durant no elenco. Concorre nas categorias de Melhor Filme e Melhor Roteiro Adaptado.

Belfast

Considerado um dos melhores filmes de 2021, Belfast aborda a turbulenta década de 1960 na Irlanda do Norte pela ótica de um garotinho de nove anos, Buddy (Jude Hill), com fotografia em preto e branco e citação ao separatismo presente na ilha. Com direção de Kenneth Branagh, o elenco do filme conta ainda com Caitriona Balfe, Judi Dench, Jamie Dornan, Ciaran Hinds e Jude Hill. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro Original, Melhor Som e Melhor Canção Original.

Duna

O remake da ficção científica com orçamento de US$ 165 milhões aborda a jornada heroica de um jovem lidando com religião, política, destino, herança, meio ambiente, colonialismo e minhocas espaciais gigantes era uma obsessão do diretor Dennis Villeneuve desde a sua juventude. Com orçamento de US$ 165 milhões. No elenco constam nomes como, Timothée Chalamet, Zendaya, Rebecca Ferguson, Oscar Isaac, Jason Momoa, Josh Brolin, Javier Bardem e Charlotte Ramping. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Trilha Original, Melhor Figurino, Melhor Fotografia e Melhor Montagem.

Licorice Pizza

Licorice Pizza mostra as idas e vindas e a complexidade do amor entre amigos de juventude, Alana Kane e Gary Vallentine, nos anos 1970. Escrito e dirigido por Paul Thomas Anderson, o filme traz Alana Haim e Cooper Hoffman como o casal de protagonistas, e um elenco de peso com Sean Penn, Bradley Cooper, Tom Waits e Benny Safdie. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Roteiro Original.

Amor, Sublime Amor

Com um início capenga em termos de bilheteria, o remake de West Side Story, musical de 1957 que rendeu 10 Oscars em sua primeira adaptação ao cinema, em 1961, transporta o drama shakesperiano de Romeu e Julieta para a cidade de Nova York, nos Estados Unidos, nos anos 1950. Tony (Ansel Elgort) é um ex-membro da gangue Jets, composta por descendentes de europeus, e se apaixona por Maria (Rachel Zegler), irmã do líder da gangue Sharks, de porto-riquenhos. Com direção de Steven Spielberg, conta com músicas feitas por Leonard Bernstein e Stephen Sondheim, morto em 2021. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Figurino e Melhor Fotografia.

King Richard: Criando Campeãs

Will Smith estreia a trama baseada na entrada de Venus e Serena WIlliams no mundo do tênis durante a juventude sob a ótica de seu pai e técnico, Richard Williams. Dirigido por Reinaldo Marcus Green, o filme ainda traz Aunjanue Ellis, Saniyaa Sidney e Demi Singleton no elenco. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Montagem, Melhor Canção Original e Melhor Roteiro Original.

Não Olhe Para Cima

Pensado inicialmente como uma crítica ao negacionismo do aquecimento global, o filme proporcionou ao público diversas reflexões em relação à pandemia de covid-19. A história mostra dois cientistas que, ao descobrirem um cometa em rota de colisão com a Terra, vão à imprensa e ao governo clamar por ajuda – mas acabam recebendo reações diferentes das esperadas.

Com Leonardo DiCaprio, Jennifer Lawrence, Meryl Streep, Rob Morgan, Cate Blanchett e Jonah Hill e direção de Adam McKay. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Trilha Original, Melhor Montagem e Melhor Roteiro Original.

O Beco do Pesadelo

Quando o carismático, mas sem sorte, Stanton Carlisle se torna querido para a vidente Zeena e o seu marido mentalista Pete numa feira itinerante, ele ganha um bilhete dourado para o sucesso, usando o conhecimento adquirido com eles para ludibriar a elite rica da sociedade de Nova York dos anos 1940. Com a virtuosa Molly lealmente ao seu lado, Stanton planeja enganar um magnata perigoso com a ajuda de uma psiquiatra misteriosa que pode vir a ser sua melhor adversária. Concorre nas categorias de Melhor Filme, Melhor Figurino e Melhor Fotografia.

Com direção de Guillermo Del Toro, o filme conta com Bradley Cooper, Cate Blanchett, Rooney Mara e Toni Colette.

Drive My Car

O longa do japonês Ryûsuke Hamaguchi foi feito a partir do conto Drive My Car, de Haruki Murakami, e retrata a história de um ator e diretor conhecido do teatro que perdeu a mulher há dois anos e passa a conviver com uma motorista recém-contratada. É o principal favorito na categoria de melhor filme estrangeiro, pelo qual também está concorrendo.

- PUBLICIDADE -