Gru Airport lança Programa de Ressocialização para Réus Estrangeiros

São Paulo, 12 de março de 2013. FAQUINI - SOBREVOO Sobrevoo pelas principais obras na cidade visando a copa do mundo. Fotógrafo: Juvenal Pereira

Após coletiva nesta última segunda-feira, 1, a Gru Aiport lançou o Programa de Ressocialização para Réus Estrangeiros, já que as prisões por tráfico internacional de drogas no Aeroporto Internacional de Guarulhos, tem em sua grande maioria a participação de estrangeiros, cerca de 76%.

Com a saída da prisão, muitos ficam sem saber por onde recomeçar, tem a barreira do idioma para complicar, e acabam se sentindo desamparados e indo morar na rua. Diante desta situação, o Núcleo de Cidadania da Justiça Federal de Guarulhos em parceria com a Gru Airport, lançou o programa que contará com a estrutura de um pequeno albergue, localizado no bairro do Macedo, com capacidade para 25 leitos, além de aulas de português e cursos profissionalizantes para amparo ao estrangeiro quando sair da prisão.

No levantamento da Polícia Federal, a maioria das apreensões ocorre no momento embarque, a maior droga apreendida é a cocaína, que vem de países como Peru, Colômbia e Bolívia.

Além das chamadas “mulas”, quem em grande parte são estrangeiros, com o número de europeus crescendo, o principal destino da droga é a África do Sul.

Neste último final de semana, a Polícia Federal prendeu um venezuelano por suspeita de tráfico de drogas e um nigeriano que transportava 1kg de cocaína na palmilha de suas sandálias.

Reportagem: Ulisses Carvalho