Procon da Paraíba estuda bloquear o jogo Pokémon Go

Uma notícia surpreendeu hoje os amantes do jogo Pokémon Go, já que o Procon da Paraíba está estudando entrar com uma ação para bloquear o game, com base em acidentes e assaltos, que estão sendo ocasionados pelo game, lembrando que um dia após o lançamento, o site Globo.com entrevistou três pessoas de diferentes estados que foram assaltadas quando estavam caçando pokemons.

Caso o jogo venha a ser bloqueado, não será a primeira vez, já que o aplicativo de conversas, WhatsApp, recentemente passou por um bloqueio e chegou a ser multado pela justiça por uma política em não divulgar dados de conversas de seus usuários.

O secretário adjunto do Procon da Paraíba, Tácio Nóbrega, teria declarado ao Jornal da Paraíba, a sua preocupação com o estado do jogo, que estaria proporcionando riscos para as pessoas, porém, a declaração de Tácio ao jornal, foi retirada do ar do site do jornal pouco tempo depois da publicação.

O jogo já ultrapassou a marca de 100 milhões de downloads em todo mundo, além de faturar US$ 10 milhões por dia, segundo fontes do site Pokémon Go Brasil.

Reportagem: Ulisses Carvalho