Sessão da Câmara é cancelada devido a falta de energia elétrica nesta quinta

Sem energia elétrica no plenário a última sessão da Câmara Municipal antes das eleições municipais de domingo (2) foi cancelada. Segundo o presidente do Legislativo, Professor Jesus (DEM), a falta de luz se deve a questões externas de competência da EDP Bandeirante.
Com isso a extensa pauta que vem se acumulando desde o início do semestre deverá ser analisada somente na semana que vem. Isso porque nesses dois meses a maioria das sessões não foi realizada devido a falta de quórum.

Segundo levantamento feito pelo HOJE, que acompanha os trabalhos em plenário as terças e quintas-feiras, até agora foram deliberados 142 requerimentos pautados no Grande Expediente. No entanto, nenhum projeto de lei foi aprovado na Ordem do Dia, já que todas as vezes que tem início esta parte da sessão é constatada a falta de parlamentares.

Das 18 sessões agendadas neste semestre sete foram encerradas por falta de quórum no momento da abertura e todas as outras chegaram ao fim com o esvaziamento do plenário. Um dos motivos é o constante atraso dos parlamentares que, em sua maioria, não estão pontualmente às 14h no plenário. Outro motivo foi a dedicação de muitos deles às suas campanhas a reeleição. Com isso deverá ser analisado após as eleições 163 itens, sendo 105 no Grande Expediente e 58 na Ordem do Dia.

Reportagem: Rosana Ibanez
Foto: Ivanildo Porto