Polícia prende nove pessoas suspeitas de aplicar golpe que vendia Minha Casa, Minha Vida na região central

A polícia prendeu na tarde desta quinta-feira (15), na rua Otávio Forghieri, região central,nove pessoas suspeitas de aplicar golpe através de uma imobiliária, que vendia casas no programa Minha Casa, Minha Vida. Segundo a polícia, a imobiliária cobrava uma taxa para inscrição no programa de R$ 3.500, e após três meses, tinham a promessa de que a Caixa Econômica Federal iria entrar em contato.

Segundo os policiais, somente nesta quinta-feira, o grupo movimentou R$ 50 mil. Entre as unidades do programa, a imobiliária vendia uma na região de Bonsucesso, com 440 apartamentos, porém, com um detalhe, mesmo em acabamento de reforma, todas as unidades já estão ocupadas.

O caso está registrado no 7° DP, e entre todas as nove pessoas presas, está o dono da imobiliária. Todos os indivíduos devem responder por crime de estelionato

- PUBLICIDADE -