Aliança Solidária vai ajudar na restauração do Museu do Ipiranga

O programa Aliança Solidária foi lançado na manhã desta segunda-feira (4) no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. O objetivo é unir esforços junto à iniciativa privada para a restauração, até 2022, do Museu Paulista, o Museu do Ipiranga.

“Tivemos aqui uma reunião muito proveitosa. Nós vamos ter em 2022 o bicentenário da independência, e no Museu do Ipiranga faremos um grande trabalho junto à sociedade civil para o seu restauro, a sua recuperação, e termos um museu muito interativo para as famílias, para os jovens, para os estudantes”, declarou Geraldo Alckmin.

Participaram do café da manhã de lançamento do programa cerca de 60 empresários, além do o reitor da USP, Marco Antonio Zago, e a empresária do Grupo Mulheres do Brasil, Luiza Trajano, que foi citada pelo governador como uma das líderes do Aliança Solidária.

“A Luiza Trajano, que preside o grupo mulheres do Brasil, vai nos ajudar. Vai liderar esse trabalho junto com o Governo do Estado e a Universidade de São Paulo. Estamos começando esse trabalho”, declarou Alckmin, que citou ainda a dedicação que será feita para a aprovação de projetos voltados ao museu por meio da Lei Rouanet, além de um incentivo inicial do Governo do Estado.

Localizado no Parque da Independência, o Museu do Ipiranga é o mais antigo museu de São Paulo e é um dos símbolos do país. Até 2022, será integralmente restaurado e abrigará exposições e atividades educativas para um público previsto de mais de 500 mil visitantes, pois ele será um dos principais palcos das comemorações do Bicentenário da Independência em 2022.

Para atingir essa meta, o Grupo Mulheres do Brasil ficará encarregado de buscar recursos junto à iniciativa privada e acompanhe o andamento da obra, que terá o projeto definido pela USP. Na próxima quinta-feira, 7 de setembro, será lançado um concurso para escolha do projeto de restauro e modernização do Museu Paulista. Na ocasião, a USP tornará público os detalhes sobre o concurso, que premiará três estudos preliminares de arquitetura para o restauro e modernização do edifício-monumento do Museu.

O Museu do Ipiranga está fechado ao público desde 2013, e vem passando por uma série de intervenções estruturais. A previsão é que o Museu seja reaberto em 2022, nas celebrações do Bicentenário da Independência, com suas instalações inteiramente modernizadas e adequadas às normativas de acessibilidade e segurança. O edifício passará a ser dedicado exclusivamente à visitação pública, com exposições e espaços apropriados para a observação de sua arquitetura monumental.