Mesmo diante do risco de colisão com aviões, moradores flagram balões em Guarulhos

O risco dos balões próximo a aviões ou mesmo o Aeroporto Internacional de Cumbica, continuam em Guarulhos, e dessa vez, moradores da Vila Galvão flagraram um balão que passou próximo a um avião que estava no caminho para realizar o pouso na cidade. No mês de junho deste ano, um balão caiu dentro do pátio de aeronaves particulares do aeroporto.

No mês de setembro, o HOJE divulgou que os casos de balões no Aeroporto de Cumbica contabilizavam 98 em rota de aeronaves somente nos seis primeiros meses do ano. Segundo dados do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), entre janeiro e agosto, já são 498 registros de balões em rotas de aeronaves, ou duas notificações por dia. Em relação ao mesmo período de 2016, a alta é de 31%.

Na ocasião, o aeroporto de Guarulhos é o maior incidência, pois o segundo lugar, Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, registrou 56 casos.A Polícia Ambiental, durante as operações caça-balões, chegou a prender dois homens no Jardim Fortaleza, suspeitos de fabricar balões, além de apreensões no Jardim Cumbica.