O passageiro com destino a Zurique, na Suiça, terá a partir do Aeroporto Internacional de Guarulhos-São Paulo, em Cumbica, uma opção com muitos atrativos que podem lhe oferecer comodidade, conforto, privacidade, além do cardápio personalizado para o longo voo de pouco mais de 11 horas. Um assento na primeira classe pode custar até R$ 45 mil, enquanto na econômica o valor é de cerca de R$ 12 mil.
O trajeto entre Guarulhos e a cidade suíça será realizado através do Boeing 777-300R, que pertence ao grupo Lufthansa – Swiss. Além desta rota, a companhia disponibiliza este modelo de aeronave para cidades como San Francisco, Los Angeles, Miami e Chicago, todas nos Estados Unidos, e Hong Kong, na China.

“Essa escolha é muito difícil por que você está competindo com todas as rotas do mundo inteiro. Sabemos que o mercado está crescendo e as empresas estão entendo o Brasil com o patamar de anos atrás. Mas, são ações como esta que nos dão a certeza de que o mercado está avançando”, declarou João Pita, gerente de negócios aéreos do GRU Airport.

A expectativa do respectivo grupo é de que a modernização e a frequência de voos, que passam a ser diários – sempre em horário noturno -, possam contribuir para a redução nos custos operacionais em 23% com passageiros e 20% no consumo de combustível. Mas, esta economia gerada tem como destino investimentos em infraestrutura da aeronave.
“A maior delas (economia) se deve ao consumo menor de combustível. As aeronaves mais modernas vão sempre estar inovando na questão do consumo de combustível, que é o maior custo fixo de uma companhia em uma rota. O investimento (será) no produto, o entretenimento e internet como compensação e não reflete diretamente no custo da passagem”, explicou Annette Taeuber, diretora do grupo Lufthansa no Brasil.

Antônio Boaventura
antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here