Os funcionários dos Correios vão entrar em greve por prazo indeterminado a partir das 22h desta segunda-feira (12), de acordo com a Fentect, federação que reúne sindicatos da categoria.
O motivo é a mudança no plano de saúde dos trabalhadores, que está em julgamento no TST (Tribunal Superior do Trabalho). A alteração defendida pela gestão da estatal retiraria pais, filhos e cônjuges do plano.

Hoje, a assistência bancada pela empresa supera os R$ 12 mil por funcionário e custa R$ 1,8 bilhão por ano, conforme revelou reportagem da Folha em dezembro.
Consumidores que deixarem de receber contas devido à greve devem procurar alternativas para fazer o pagamento. Elas podem ser quitadas na internet, na loja física ou via depósito bancário.

Foto: Kevin David /Folhapress

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here