As obras do Trevo de Bonsucesso prosseguem para a execução de pilar do último viaduto, o qual fará a ligação direta entre o bairro de Bonsucesso e a rodovia Presidente Dutra (sentido São Paulo) e de Bonsucesso com o bairro Pimentas. Os trabalhos se concentram na avenida Papa João Paulo I com a contenção do solo para apoio da pilastra. Simultaneamente, estão sendo utilizados escavadeira hidráulica e guincho nos trabalhos, entre outros equipamentos de engenharia. Bombas também estão sendo instaladas na escavação para a retirada da lama.

O Trevo de Bonsucesso é a maior obra viária de Guarulhos, com custo de aproximadamente R$ 100 milhões. Trata-se de uma obra estratégica para a mobilidade no município que irá facilitar o deslocamento de pessoas das regiões de Pimentas e de Bonsucesso, e agilizar os retornos dos que estão na rodovia Presidente Dutra. A previsão é que o miolo do Trevo seja concluído até o fim do ano.

Interdições e Desvios

Para segurança dos motoristas, a avenida Papa João Paulo I foi parcialmente fechada no trecho entre a avenida Paschoal Thomeu e a rua Carlos Drummond de Andrade, no último dia 12. O entroncamento destas vias está bloqueado. Já avenida Papa João Paulo I com a Carlos Drummond de Andrade está parcialmente fechada, sendo permitido apenas o trânsito local (sentido bairro).

Os veículos que saem dos bairros pela avenida Papa João Paulo I com destino à rodovia Presidente Dutra (sentido São Paulo) devem acessar à direita na rua Carlos Drummond de Andrade (sentido do Posto Sakamoto). Os que buscam alcançar a rodovia Presidente Dutra no sentido Rio de Janeiro, devem entrar à esquerda na rua Carlos Drummond de Andrade, depois entrar à direita na Av. Francisco Xavier Correia (antiga avenida Hum), e novamente à direita na avenida Paschoal Thomeu.

Os veículos que forem ao Centro não têm como acessar a avenida Papa João Paulo I pela avenida Paschoal Thomeu. Neste caso, o caminho é usar a avenida Francisco Xavier Correia e virar a esquerda na rua Carlos Drummond de Andrade, até alcançar a Papa João Paulo I.

2 COMENTÁRIOS

  1. O problema não é a obra que está sendo feita, o problema é o descaso com a região, pois todos os dias passo no trevo de bonsucesso e não vejo uma ação da CET para facilitar o transito nos horário de pico. Normalmente fico cerca de 45 minutos a 1 hora nesse transito todos os dias da semana e vejo o descaso com que todos os que precisam do “trevo” são tratados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here