PM é morto após briga em bar no Jardim Santa Mena

PM é morto após briga em bar no Jardim Santa Mena

O soldado da polícia militar Kevin Timóteo da Silva, 23, morreu na noite deste sábado (05), após ser baleado em um bar localizado na rua Anice, nº 200, no bairro Jardim Santa Mena, às 22h45. Silva era soldado do 31º Batalhão de Guarulhos, e estava de folga quando se desentendeu com um casal no bar.

Durante a briga com o casal, o soldado teria entrado em briga corporal com um homem, que conseguiu pegar a arma do policial que estava de folga e disparar contra o abdômen de Silva. O PM ainda chegou a ser socorrido e encaminhado para o Hospital Padre Bento, porém, não resistiu aos ferimentos e veio a falecer.

O casal tentou fugir em um veículo de modelo Gol, de cor vermelha, porém, pessoas que estavam no bar teriam alertado a PM, passando a placa do veículo. Uma perseguição se iniciou e o suspeito, Bruno Neves, 31, acabou sendo preso na Marginal Tietê.

O indivíduo era procurado da Justiça, já que de acordo com a PM, devia cerca de R$ 19 mil de pensão alimentícia. O indivíduo foi preso e o boletim de ocorrência foi lavrado no 13º Distrito Policial da Casa Verde, em São Paulo.

Neves irá responder por assassinato e pela dívida de pensão alimentícia. O enterro do soldado irá ocorrer na tarde deste domingo (06), às 17h, no Cemitério da Vila Rio de Janeiro.

20 Comentários neste post

  1. Maria Olivia

    Meu Senhor Jesus tenha Misericórdia . daí me conforto aos familiares .
    Até quando Senhor vamos chorar a perca de policiais que vão para as ruas nós proteger.

    Responder
    • sergio

      No caso não teve nada a ver com a profissão de policial, ele estava em um bar, descaracterizado, e entrou em uma briga, deixou cair a arma e tomou um tiro.

      Responder
    • JORGE MARINS

      O que tem a ver uma coisa com a outra.
      O PM estava de folga bebendo e se envolveu em uma briga.
      Vai saber o motivo da discussão…com uma arma na cintura se deixou dessrmar.

      Responder
    • Armado em local impróprio e ainda arruma confusão. Despreparado e foi atingido com a sua própria arma.

      Responder
    • Nesse caso ele não estava em serviço e sim dentro do bar que infelizmente é um lugar onde frequentam criminosos e más companhias

      Responder
    • Ryan Vitor delbone

      Não julgue sem saber o motivo, ele tá desaparecido esses polícias cuzoes já devem ter matado meu tio

      Responder
  2. Aquela que imagem que não vai sair dá cabeça ?

    Responder
  3. PM não pode causar briga em buteco. e se estivesse em casa isso não teria acontecido. Lamentável.

    Responder
  4. Jamais um sodadon

    Responder
  5. telma montenegro

    policial nesse país é profissão de risco ele não deveria está lá na minha opinião.Tão jo em morrer desse jeito misericórdia

    Responder
  6. Roberto Nunes

    Hoje as pessoas estão se acovardando por medo de serem presas, estando certas ou erradas. O juiz e o delegado abre o código penal e diz que tem que ser cumprido o que está na legislação. Eu gostaria que as pessoas que julgam passassem por situações onde o policial paisana e ele lhe respondesse. Eu não vou atirar no bandido pra depois o senhor me prender

    Responder
  7. gentem estão matando por nada cadeia nele e a familia esta chorando aff

    Responder
  8. Deise Rodrigues

    Amigo do meu filho,da mesma idade,eles estavam juntos….que Deus conforte o coração dos pais,pois não consigo imaginar tamanha barbare!!meu filho esta arrasado!!!!??

    Responder
  9. Geraldo aparerecido de paula

    O mundo inteiro está um lixo salve se que puder que Deus conforte o coração desta mãe

    Responder
  10. Polícia não deve frequentar certos ambientes! Fica a dica.

    Responder
  11. Eunice Cunha

    Só JESUS CRISTO para confortar aos familiares

    Responder
  12. Marcelo

    Dentro de um bar e o policial armado? Qual proteção estamos falando? Policial jovem sem despreparo emocional. Eu estava no local. Mania de achar q por estar armado nada acontecerá. Infelizmente o pior aconteceu.

    Responder
  13. Luisa Ribeiro

    Estava fazendo o quê armado em bar e fora de serviço . Provavelmente ameaçou o casal. Ou era o soldado ou o rapaz.

    Responder
  14. José Vieira Neto

    Policial não pode atirar mais esse energúmeno pode até quando iremos ouvir ver essa situação aonde iremos para quando isso vai acabar.

    Responder
  15. Luana

    Meus sentimentos a família. ?

    Responder

Deixe seu Comentário