PF prende dois passageiros com 2 kg de cocaína e documento falso no Aeroporto de Guarulhos

A Polícia Federal (PF) no Aeroporto Internacional de São Paulo prendeu, no sábado (2/6), dois passageiros que embarcariam em voos para a Europa e Ásia.

Policiais federais, que atuam no controle migratório, identificaram que o documento RNE (Registro Nacional de Estrangeiro) apresentado por um passageiro, nacional da Alemanha e que embarcaria para a Espanha, apresentava indícios de falsificação. O homem foi questionado acerca dos procedimentos para obtenção daquele documento, perguntas que ele não soube responder. O suspeito foi conduzido à delegacia onde os peritos federais constataram que o documento apresentado pelo estrangeiro era falso. O homem foi preso em flagrante.

Em outra ação, funcionários que operam os aparelhos de raio-x, no porão de bagagens, acionaram os policiais federais por suspeitarem do conteúdo de uma mala despachada para voo com destino ao Catar. O proprietário da mala, um homem de 28 anos, nacional do Paraguai, foi localizado na sala de embarque e conduzido à delegacia. Os peritos federais identificaram a droga cocaína, cujo volume somou dois quilos, ocultada em um fundo falso da mala do passageiro.

Os presos serão encaminhados aos presídios estaduais onde permanecerão à disposição da Justiça.