Após cinco meses de atraso, uniforme é entregue com falta de meias e tênis em escola no Ponte Alta

Apesar de receber os uniformes, os alunos da Escola da Prefeitura de Guarulhos (EPG) Edson Nunes Malecka, localizada na Estrada Mato das Cobras, n° 49, na região do Ponte Alta, não tem muito o que comemorar, já que além do atraso na entrega do uniforme em cinco meses, após receberem, havia itens em falta, de acordo com os pais, como meias e tênis.

Outro problema relacionado ao uniforme é o tamanho, já que para algumas crianças a camisa estaria curta. “A escola disse que a gente pode trocar, porém, eles não sabem quando”, destacou o pai de uma aluna, o conferente Rogério Aparecido Santos, 40.

Já o uniforme de inverno, também teria vindo pequeno. “Eles entregaram hoje, porém, veio pequeno. Já solicitei uma numeração maior, e continuo aguardando, mesmo após realizarem a entrega com a falta de alguns itens” afirmou o conferente.

Questionada, a  Secretaria de Educação, Cultura, Esportes e Lazer (Secel)alegou que  está em fase de conclusão da entrega dos uniformas escolares em toda a Rede Municipal, e que a entrega dos itens faltantes dessa unidade escolar está prevista para a sexta-feira (27). Já no caso de numerações menores, a Secel destacou que os uniformes são entregues sob medida para todos os alunos da Rede Municipal, a partir de pesquisa de numeração realizada antecipadamente. Porém, quando há ocorrências de numerações entregues indevidamente, os materiais são substituídos tão logo à escola faça a solicitação para a Secretaria, desde que haja disponibilidade nos estoques.

“É compromisso da Secel promover a entrega dos uniformes dos alunos completo, o que inclui 11 itens, dois a mais do que foram disponibilizados em anos anteriores. No entanto, para que não haja mais atrasos com a entrega, ocasionados por problemas licitatórios que, este ano, se estenderam para além dos prazos previstos, há algumas exceções em que os uniformes são oferecidos aos alunos sem um ou mais itens. Ainda assim, os itens faltantes são enviados às unidades, assim que entregues pelos fabricantes”.

Reportagem: Ulisses Carvalho

[email protected]