Prefeitura impede loteamento clandestino no Residencial Bambi

Uma equipe de fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente (Sema), em conjunto com a Secretaria de Justiça e a GCM Ambiental, realizaram a retirada de cercas em um loteamento clandestino sob torres de alta-tensão nas proximidades da estrada Acácio Antônio Batista, região do Residencial Bambi.

A operação para conter desmatamentos, invasões e loteamentos clandestinos foi realizada em continuidade à agenda de fiscalização conjunta entre a Prefeitura e a Furnas Centrais Elétricas. Há cerca de um mês seis barracos não habitados já haviam sido retirados do mesmo local.

De acordo coma Furnas, as torres de alta tensão foram construídas na década de 1960 e estão em áreas particulares, nas quais é proibido qualquer tipo de construção.

A Sema salienta que não existe loteamento regular no local e, portanto, qualquer prática de comercialização de lotes é clandestina. Todo cidadão pode denunciar irregularidades pelo telefone 0800-772-2007. Não é preciso se identificar.