560 PMs e 120 guardas civis estão afastados por suspeita de Covid-19

Mais de 500 policiais do estado de São Paulo estão afastados do trabalho por suspeita de Covid-19, segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP). As policiais do estado são Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiros, Polícia Civil e Polícia Técnico-Científica.

Ainda segundo a pasta da Segurança Pública, 0,5% do atual efetivo das policias do estado está afastado das suas funções por suspeita de estarem com a doença. Como o total do efetivo é de 112.913 agentes, então aproximadamente 560 policiais foram afastados.

Na capital, cerca de 120 guardas civis metropolitanos também estão afastados porque tiveram sintomas de coronavírus. Dois desses agentes da Guarda Civil Metropolitana (GCM) tiveram confirmação para Covid-19. Ao todo, o efetivo na cidade de São Paulo é de 6 mil GCMs.

Foto: Divulgação/Polícia Militar