Doria prorroga quarentena no estado de São Paulo até o dia 22 de abril

O governo de São Paulo ampliou a quarentena no estado até o dia 22 de abril. A determinação entra em vigor a partir desta quarta-feira (8). A prorrogação foi anunciada a pouco pelo governador João Doria (PSDB) durante entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo.

A medida segue sem flexibilizações, e foi tomada para conter o avanço do coronavírus no estado.

A coletiva de imprensa desta segunda teve a presença do infectologista David Uip, que retornou dos 14 dias de isolamento, após ter contraído a doença. Uip reassume a coordenação do Centro de Contingência do Coronavírus.

A determinação seguirá como a anterior, com o fechamento do comércio e mantendo apenas os serviços essenciais, como nas áreas de Saúde e Segurança. A Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo informou neste domingo (5) que o estado chegou a 275 mortes relacionadas ao coronavírus. São 15 óbitos a mais que o registrado no boletim divulgado neste sábado (4).

A alta no número de mortes foi de 6% nas últimas 24 horas. Em uma semana, a secretaria contabiliza aumento de 180% no número de mortes pela doença, em comparação com o balanço do domingo (29), quando o número de vítimas chegava a 98 pessoas.