Coluna 35

Animosidade

A decisão do Juiz Rafael Tocantins Maltez (foto), da 2ª Vara da Fazenda Pública de Guarulhos, que manda reverter o Decreto de extinção da Proguaru, criou mais confusão do que solução. Segundo o secretário de Justiça da cidade, dr. Airton Trevisan, o juiz teria se equivocado, uma vez que, o embasamento da sentença, vai contra o que já se cumpriu no processo, que é o julgamento colegiado do recurso impetrado no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) para realização de um referendo popular sobre o assunto. Com os Embargos de Declaração já encaminhados ao juiz, espera-se, de uma vez por todas, encerrar as discussões meramente políticas e dar paz aos funcionários da Proguaru.

PDV

O Projeto que pretende implantar um Plano de Demissão Voluntária (PDV), para os funcionários públicos de Guarulhos, nem teve chance de se transformar em discurso para a oposição. Afinal, STAP e vários funcionários da prefeitura, festejaram a decisão. Se aprovado pela Câmara, aqueles servidores que pretendem sair de seus cargos, poderão fazê-lo sem perder o tempo trabalhado. No programa Hoje TV, o secretário de Justiça, Airton Trevisan, deu vários exemplos de pessoas nessa situação, mas esclareceu que o Decreto que deverá normatizar o PDV, levará em conta a disponibilidade de recursos públicos, o que, portanto, criará escalas próprias por faixas salariais.    

Sessão adiada

Não se pode mesmo elogiar. Esta coluna divulgou, na última quinta-feira, que o presidente da Câmara de Guarulhos, vereador Fausto Miguel Martello, contrariando as expectativas, teria marcado a primeira sessão de 2022, para sexta-feira, 4. A pauta, que continha surpreendentes 166 itens, foi desmarcada por conta de um “problema com a internet do Legislativo”, fato que teria sido desmentido por alguns funcionários ligados ao setor. Os reais motivos do cancelamento podem ser muitos, até mesmo um esticão nas férias legislativas. No fim, a sessão acontecerá hoje e terá 186 itens a serem analisados. Rezemos para Santa Internet do perpétuo socorro para que isso realmente aconteça.

Sem palavras

Em tempos de aplicativos que divulgam trilhões de fotos, nem sempre a máxima de que “uma imagem vale mais do que mil palavras” tem sentido. Porém, algumas, principalmente no mundo político, têm muito a dizer, como esta divulgada em rede social pelo secretário de Justiça Airton Trevisan, em que ele recebe o presidente da Câmara Fausto Miguel Martello.

- PUBLICIDADE -