Polícia prende padre suspeito de abusar de garota de 15 anos

O padre católico suspeito de abusar sexualmente de uma adolescente de 14 anos foi preso nesta quarta-feira (19) por determinação da Justiça. Ele está recolhido em uma das celas do 1° Distrito Policial (Centro), segundo informações obtidas pelo HOJE. Um delegado que pediu para não ser identificado confirmou a prisão do sacerdote, que teria acontecido na residência de um outro religioso.

Na terça-feira (18), o HOJE divulgou com exclusividade o caso, investigado pela Delegacia da Mulher de Guarulhos a partir do boletim de ocorrência número 965/2016, lavrado no último dia 26 de setembro sob a acusação de estupro de vulnerável. Nos últimos dias, os policiais comparecem à Cúria Diocesana à procura do religioso que trabalha em uma paróquia na região do Jardim Alice.

Pelo fato envolver uma adolescente, a Justiça decretou o sigilo nas informações, por este motivo, o jornal não divulgará o nome do religioso acusado.
A adolescente, que completou 15 anos recentemente, teria descoberto a gravidez no último mês de agosto e acusou o sacerdote. Seus familiares procuraram a polícia, que instaurou inquérito. O HOJE manteve contatos com o advogado da Diocese de Guarulhos, João Carlos Biagini, mas ele informou, por telefone, na tarde de segunda-feira (17), que não poderia dar declarações a respeito do caso. Somente adiantou que as investigações estão em andamento.

Até o momento, a Diocese de Guarulhos não divulgou nenhuma nota oficial a respeito da denúncia da adolescente. O padre acusado teria sido ordenado há pouco mais de 10 anos e era bastante conhecido na região onde trabalhava.

Foto: Ivanildo Porto