De acordo com informações divulgadas pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), a Polícia Civil solicitou a quebra do sigilo telefônico da vítima, o taxista Gustavo Martinez Dias, que foi encontrado morto no bairro Parque das Águas, na cidade de Nazaré Paulista. Um retrato falado também foi realizado, com base em um depoimento de uma suposta testemunha.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Nazaré Paulista, e segundo a Polícia Civil, as informações prestadas em depoimento ainda segue em apuração, e como a polícia trabalha com diversas possibilidades, nem uma possível tentativa de suicídio foi descartada.

A SSP não divulgou o retrato falado do suspeito. O caso ocorreu no mês passado, quando o taxista estava na própria residência e o aplicativo do celular sinalizou uma corrida próximo ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, na noite do dia 20 de novembro, por volta das 21h. Após horas sem fornecer nenhuma notícia, os familiares começaram a realizar buscas, e encontraram o corpo na cidade de Nazaré Paulista, próximo a uma represa.

Na ocasião, além do corpo, o carro da vítima também foi encontrado, sem nenhum sinal de roubo ou violência contra o próprio taxista.

Reportagem: Ulisses Carvalho

ulissescarvalho@grupomgcom.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here