Jovem da Vila Galvão com febre amarela passa por cirurgia de transplante de fígado

A jovem Larissa Saraiva de Oliveira, 20, passou por uma cirurgia de transplante de fígado no final da tarde deste sábado (20), no Hospital das Clínicas, em São Paulo. De acordo com a amiga, a atendente Layane Silvestre dos Santos, 20, a cirurgia ocorreu bem e no momento Larissa segue em recuperação no hospital além de continuar precisando da doação de sangue O positivo.

“O que o pai dela me passou hoje de manhã é que ela está em recuperação, mas o caso ainda é bem delicado”, afirmou Layane, destacando também que como foi muito alto o número de doações, a família de Larissa está fazendo uma campanha para que todos os tipos de sangue sejam doados para o hospital.
Nas redes sociais, muitos amigos da jovem continuam realizando campanhas para conseguir mais doações de sangue, como é o caso da página Força Larissa, que divulgou neste domingo (21), uma foto em uma van com diversas pessoas a caminho para realizar a doação de sangue no Hospital das Clínicas.

Para efetuar a doação, é preciso o tipo sanguíneo O positivo, mas quem acabou de ser vacinado contra a febre amarela não é possível doar. É necessário a pessoa comparecer no prédio dos ambulatórios do Hospital das Clínicas, localizado na avenida Doutor Enéas Carvalho de Aguiar, n°155, próximo a estação das Clínicas, linha verde do metrô, e informar o nome completo da Larissa para realizar a doação, que pode ser feita de segunda à sexta-feira, das 7h às 18h, sábados das 8h às 17h, e primeiro e terceiro domingo, das 8h às 13h.

Larissa começou a passar mal no início desta semana, com uma suposta infecção urinária, de acordo com amigos, sendo internada no Hospital Municipal de urgências (HMU), na última quarta-feira (17), quando após exames realizados, teria sido constatada a febre amarela, sendo transferida na quinta-feira (18), para o Hospital das Clínicas.

Reportagem: Ulisses Carvalho
[email protected]