O morador de Cumbica Adriano Rocha de Farias, 31, que estava internado no Hospital das Clínicas, em São Paulo, após ter sido diagnosticado com o vírus da febre amarela no Hospital Geral de Guarulhos (HGG), onde teria sido constatado a presença do vírus, de acordo com os familiares, faleceu na tarde desta quinta-feira (22), sendo o oitavo morador da cidade a morrer com a doença.

Nesta quarta-feira (21), de acordo com familiares, ele precisava de um transplante de fígado, porém, o órgão não seria compatível e por conta disso não foi realizado o transplante. Farias teria contraído a doença após uma viagem para um sítio na cidade de Mairiporã, onde teria passado dez dias durante o período de Carnaval.

A vítima não teria tomado a vacina contra a febre amarela, e os sintomas teriam começado no dia 15 de fevereiro, quando começou a apresentar vômito, cansaço excessivo, febre alta e muito frio. Segundo a prima de Farias, a esteticista Cintia Rocha Augusto, nesta quarta-feira, ele já apresentava complicações. “Além de precisar do transplante, o rim dele também parou”, afirmou.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here