PF prende cinco passageiros com drogas e celulares no Aeroporto de Guarulhos

PF prende cinco passageiros com drogas e celulares no Aeroporto de Guarulhos

A Polícia Federal (PF), prendeu entre a tarde de quarta-feira (28/fev) e madrugada de hoje (1/mar), no Aeroporto Internacional de São Paulo-Guarulhos, cinco pessoas, sendo quatro por posse de drogas e uma desembarcando com 52 aparelhos celulares não declarados.

Na tarde de ontem (28/fev), um brasileiro desembarcou de voo procedente de Orlando, nos Estados unidos, e, ao passar pelo canal de inspeção “nada a declarar”, foi selecionado por servidores da Receita Federal para inspeção das bagagens e busca pessoal. Com o passageiro foram encontrados 6 aparelhos celulares novos e, ocultos dentro de uma CPU de computador, havia mais 46 aparelhos. Os policiais federais foram acionados e o suspeito, de 37 anos de idade, foi preso pela tentativa de iludir o pagamento dos impostos devidos sobre os produtos que ocultava. O valor estimado dos produtos apreendidos é de 35 mil dólares.

No final da noite, policiais federais abordaram duas passageiras, brasileiras de 32 e 25 anos de idade, que aguardavam na sala de embarque para voo com destino a Frankfurt, na Alemanha. Nas bagagens que elas haviam despachado foi detectada, por meio dos scanners, a existência de material suspeito. As passageiras foram entrevistadas e acompanharam a abertura e revista dos seus pertences. Dentro de fundos falsos encontrados nas malas das passageiras havia, somados os volumes, quase 16 Kg de cocaína. As mulheres, que confessaram saber o que transportavam, receberam voz de prisão.

Já na madrugada de hoje (1/mar), foram realizadas outras duas prisões por tráfico internacional de drogas. Com um homem, nacional da Palestina e 23 anos de idade, policiais federais encontraram 6 volumes contendo cocaína. A droga estava oculta nos puxadores das malas. O total apreendido somou mais de um quilo. O destino da droga era a cidade de Beirute, no Líbano. Uma passageira, que desembarcou de voo procedente da cidade de Casablanca, no Marrocos, foi abordada por servidores da Receita Federal que localizaram, com o auxílio do raio-x, um volume contendo um pó suspeito nas estruturas de sua mala. Os policiais federais foram acionados e a suspeita, uma brasileira de 27 anos de idade, recebeu voz de prisão após os peritos federais identificarem o pó como anfetamina, cujo volume total superou 2 Kg.

A PF no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, registra um volume apreendido de 355 Kg de drogas nos dois primeiros meses do ano somente com passageiros, sendo que 43 % deste volume foi apreendido com pessoas do sexo feminino. Em 2017, nesse mesmo período, o volume apreendido com passageiros totalizou 152 Kg.

Os presos serão encaminhados aos presídios estaduais onde permanecerão à disposição da Justiça.

Deixe seu Comentário