Plano de Cargos, Carreiras e Salários da área da Saúde passa por revisão

Plano de Cargos, Carreiras e Salários da área da Saúde passa por revisão

A Secretaria de Saúde constituiu uma comissão composta por profissionais da área, sendo um representante de cada departamento da pasta, além de integrantes do Conselho Municipal de Saúde e do Stap (Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública Municipal de Guarulhos), para revisar o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) dos servidores da Saúde. Desde maio passado, esse grupo se reúne todas as sextas-feiras com essa finalidade e, agora, o relatório com os apontamentos e alterações sugeridos deve ser concluído em 90 dias.

O objetivo é entregar a nova proposta ao secretário de Saúde, José Sérgio Iglesias Filho, ainda no primeiro semestre deste ano. Nesse período de quase um ano de trabalho, a comissão fez uma revisão completa do Plano de Cargos, Carreiras e Salários, com análise acerca da carga horária de todos os profissionais da área, evolução na carreira, adequação das funções ao nível de escolaridade, gratificações, entre outros.

Dentre as propostas que serão apresentadas destacam-se reivindicações antigas da categoria, como a equiparação salarial dos cirurgiões dentistas e veterinários com os médicos, bem como a redução da carga horária do auxiliar de enfermagem de 36 para 30 horas semanais. Da mesma forma, o educador físico que atua nas unidades de Saúde também deverá cumprir a jornada de trabalho de 30 horas, a exemplo dos demais profissionais de Saúde, sendo que hoje eles trabalham 40 horas semanais.

Outra alteração que consta do novo PCCS é a alteração do grau de escolaridade da função de auxiliar de mobilização ortopédica, que era de nível fundamental e deverá passar para nível médio. “Todas as mudanças representam o reconhecimento e a valorização dos profissionais da área”, destacou Luciana Zanotto, coordenadora de Recursos Humanos da Secretaria de Saúde.

Deixe seu Comentário