Cidade de Guarulhos deve contar com quase 12 mil voluntários nas eleições

Os pouco mais de 814 mil eleitores guarulhenses terão à disposição nas eleições de outubro cerca de 12 mil voluntários, selecionados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Nas próximas eleições serão escolhidos deputados estaduais e federais, governador, senadores e o presidente da República.

Nos dias das eleições – 7 e 28 de outubro (e houver segundo turno) -, além dos servidores dos cartórios eleitorais, a Justiça Eleitoral convoca eleitores para auxiliar nos trabalhos. São mesários para as mesas receptoras de votos e de justificativas, e auxiliares para os locais de votação. Guarulhos possui atualmente sete zonas eleitorais – 176, 185, 278, 279, 393, 394 e 395.

Segundo o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TER-SP), dos 12 mil voluntários, serão 11 mil mesários e outros 740 auxiliares. Eles são chamados pelo juiz eleitoral seguindo critérios definidos em lei, devendo ser maiores de 18 anos e em situação regular com a Justiça Eleitoral.

O trabalho não é remunerado, mas existem alguns benefícios para os mesários e auxiliares. A legislação eleitoral dá direito a dois dias de folga, em emprego público ou privado, para cada dia trabalhado nas eleições. A atuação como mesário garante preferência no desempate em concursos públicos, desde que previsto em edital, e o aproveitamento das horas trabalhadas para atividades complementares em instituições de ensino.

Aquele que atuar como mesário e o auxiliar recebem auxílio-alimentação, no valor de R$ 30, por turno trabalhado. Os mesários tomam todas as providências na seção eleitoral para orientar e receber o eleitor no dia da eleição. Eles são os responsáveis por garantir a segurança e tranquilidade da população no momento do voto.

Antônio Boaventura

[email protected]

Foto: Ivanildo Porto