CEI do Instituto Gerir deverá ser Instalada na Câmara nesta terça

A Câmara Municipal deve avalizar nesta terça-feira (21) a solicitação de abertura de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI), proposta pela vereadora Genilda Bernardes (PT), para investigar o modelo de administração do Instituto Gerir em três unidades de saúde do município. Para a comissão ser aprovada falta a assinatura de apenas três vereadores.

“Eu aceito parlamentares até da base do governo [para instalar a CEI}. Existem dois vereadores que estamos conversando, mas prefiro não revelar não os nomes para que não haja uma certa movimentação até terça-feira”, explicou a vereadora Genilda Bernardes (PT), que poderá ser a presidente da comissão.

O Instituto Gerir, que tem sede na cidade de Goiânia, assumiu a administração do Hospital Municipal de Urgências (HMU), Hospital Municipal da Criança e do Adolescente (HMCA) e a Policlínica Paraventi no começo do mês de maio do ano passado e teve seu contrato prorrogado até que o processo de licitação das unidades esteja concluído. O contrato foi fixado em um valor anual de pouco mais de R$ 162 milhões.

Assinaram o documento de abertura da CEI na última quinta-feira (16) os vereadores Maurício Brinquinho (PT), Rômulo Ornelas (PT), Edmilson Souza (PT), José Luiz (PT), Genilda Bernardes (PT), Janete Pietá (PT), Marcelo Seminaldo (PT), além de Laércio Sandes (DEM). De acordo com o Regimento Interno da Câmara Municipal, a instalação de qualquer comissão precisa do apoio de 11 parlamentares.

Antônio Boaventura

[email protected]