CEI do Aeroporto aponta falta de acesso para cadeirantes á zona aeroportuária pela ponte do rio Baquirivu

Na manhã desta quinta-feira (23), foi realizada uma reunião extraordinária da Comissão Especial de Inquérito (CEI) que apura possíveis irregularidades ocorridas no interior do Aeroporto Internacional de Guarulhos pela concessionária GRU Airport. A pauta do encontro, que contou com a presença de dois representantes da Prefeitura, foi o fechamento da ponte sobre o Rio Baquirivu-Guaçu. O próximo encontro, que contará com a presença de representantes do GRU Airport, está agendada para terça-feira (28), às 9h.

O relator da Comissão, vereador Dr. Eduardo Carneiro (PSB), fez um panorama com todas as datas de fechamento e reabertura – desde 2008 – da ponte que liga a rodovia Hélio Smidt à rua Jamil João Zarif. Ele mencionou uma Comissão Especial de Estudos (CEE), instalada na Câmara em 2015 para analisar esse assunto, e sugeriu que as conclusões apresentadas no relatório elaborado à época sejam encaminhadas ao Executivo.

Marcelo Seminaldo (PT), Presidente daquela CEI, destacou que o acesso, fechado em novembro de 2013 em razão da Copa do Mundo realizada no Brasil no ano seguinte, deveria ter sido reaberto após a conclusão das obras do edifício garagem, no terminal 3 do aeroporto. “Todo mundo percebeu que eles não reabriram o acesso e, pior do que isso, não permitiram que deficientes físicos com mobilidade reduzida pudessem fazer a travessia da ponte”, enfatizou Seminaldo.

A preocupação em relação ao impedimento do uso da ponte por pessoas com deficiência – devido aos bloqueios instalados para evitar o tráfego de motocicletas – foi apresentada por Acácio Portella (PP). Os questionamentos e demandas dos vereadores serão encaminhados à Prefeitura pelos dois representantes da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito presentes no encontro: o Diretor do Departamento de Trânsito, Styvenson Noboru Koga, e a Chefe de Divisão Técnica, Carla Angelini Lazur.

Antônio Boaventura

[email protected]

Foto: Ivanildo Porto