Mais uma criança morre com suspeita de meningite em Guarulhos

Uma criança de 11 anos que seria estudante da Escola da Prefeitura de Guarulhos (EPG) Cora Coralina, localizada na rua Dez, n° 99, no bairro Jardim dos Cardosos, região do Cabuçu, morreu com suspeita de meningite. O enterro do menino ocorreu na manhã de quinta-feira (30 de agosto), no Cemitério Parque dos Pinheiros, no bairro Vila Nova Galvão.

De acordo com o amigo da família, o taxista Luiz Carlos Simões, 44, a criança teria reclamado de fortes dores de cabeça para a mãe, porém, pouco depois de receber atendimento médico teria falecido. Em contato com a Secretaria Municipal de Saúde, a administração municipal informou que a Vigilância Epidemiológica foi notificada na quinta-feira sobre este caso, que já está sob investigação, de acordo com a secretaria.

“A causa da morte somente poderá ser confirmada após a conclusão dos exames coletados pelo Serviço de Verificação de Óbitos e encaminhados ao Instituto Adolfo Lutz, na Capital”, afirmou em nota a saúde, esclarecendo também que assim que recebeu essa notificação no final da manhã de quinta-feira, deslocou uma equipe da saúde para orientar os professores, pais de alunos e a comunidade. “Nesta sexta-feira (31), os profissionais de Saúde deverão retornar ao estabelecimento de ensino para a realização de quimioprofilaxia (administração de antibiótico específico para as crianças que mantiveram contatos íntimos e prolongados com a vítima), para eliminação dos focos de infecção, de acordo com o que estabelece os protocolos recomendados pelo Ministério da Saúde e Organização Mundial da Saúde”.

No momento de acordo com a secretaria há dois casos de óbitos suspeitos da doença meningocócica em investigação. O outro caso também é de uma criança, de 12 anos, do Jardim Presidente Dutra, que estudava na Escola Estadual Padre Bruno Ricco.

Reportagem: Ulisses Carvalho

[email protected]