A Polícia Federal prendeu em ações distintas, nesta quinta-feira (18), no Aeroporto Internacional de São Paulo, dois passageiros tentando embarcar cocaína em voos internacionais.

Policiais federais, que acompanhavam o fluxo dos passageiros pelo controle migratório, abordaram um homem para entrevista. Ele apresentou a passagem aérea, cujo destino era Joanesburgo, na África do Sul, e os documentos de viagem. O passageiro, um brasileiro de 28 anos, mostrou-se muito nervoso com a abordagem e, questionado sobre os motivos de sua viagem e locais que conheceria no destino final, não soube dar respostas convincentes. Os policiais solicitaram à companhia aérea que separasse as bagagens despachadas pelo passageiro e o conduziram à delegacia para acompanhamento da revista em seus pertences. Em sede policial, os peritos federais identificaram quase 9 kg de cocaína escondidos em fundos falsos de uma mala. O suspeito recebeu voz de prisão.

Na segunda ação, ocorrida pouco tempo depois, policiais federais identificaram, com o auxílio do equipamento de raio-x no porão de bagagens, substância orgânica oculta dentro de duas malas que haviam sido despachadas para voo com destino a Lisboa, Portugal. A proprietária da mala, uma brasileira de 28 anos, foi localizada no portão de embarque. A suspeita foi entrevistada e conduzida à delegacia para que, na presença de testemunhas, fosse realizada perícia em seus pertences. Dentro das malas, os policiais encontraram tijolos compostos por cocaína, cujo volume total somou mais de 34 kg. A mulher foi presa em flagrante.

Os presos serão encaminhados aos presídios estaduais, onde permanecerão à disposição da Justiça, respondendo pelo crime de tráfico internacional de drogas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here