Reportagem: Ulisses Carvalho 

ulissescarvalho@grupomgcom.com.br

A operadora de loja Nelly Custódio de Faria, 30, alega que ao passar na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Paulista, localizada na rua Teixeira Mendes, n° 166, no bairro Jardim Paulista, a unidade estava com o equipamento de raio-x quebrado, além da demora para receber atendimento.

“Lá não tem raio-x, estava quebrado. Além de estar lotado, fiz minha ficha às 12h55 e me chamaram às 16h50”, alegou a usuária, destacando que muitas pessoas que chegaram por volta das 11h na UPA, foram chamadas para receber atendimento somente após às 15h30. Devido a grande demora, a operadora destacou que iria tentar receber atendimento com ortopedista na Policlínica Paraventi, localizada na rua Joracy de Camargo, n° 202, no bairro do Jardim Paraventi.

A reportagem do HOJE contatou a Secretaria de Saúde, que em nota, alegou que não localizou nenhuma ficha de atendimento em nome de Nelly Custódio de Faria, mas esclarece que nesta terça-feira (16) a unidade registrou demanda acima da média. “Sobre o raio-X, a Secretaria de Saúde confirma que o equipamento quebrou e informa que já está tomando as medidas pertinentes para o reparo do aparelho”.

Foto: Ivanildo Porto 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here