Pastor está preso em Guarulhos acusado de estuprar quatro adolescentes

O pastor evangélico Pedro Jorge dos Santos Teixeira, 31, está preso há mais de um mês no Centro de Detenção Provisória de Guarulhos (CDP), após ser acusado de estuprar quatro adolescentes quando era pastor em uma igreja evangélica localizada na Zona Leste de São Paulo.

O acusado que agora se tornou réu no processo estaria enganando fiéis prometendo uma possível cura espiritual aos fiéis que fizessem sexo com ele e com um anjo que o pastor alegava incorporar. Os crimes de acordo com a Polícia Civil teriam ocorrido no período entre 2014 e agosto deste ano.

O caso foi registrado no 49° Distrito Policial de São Paulo, que ainda investiga se existem mais casos. Os adolescentes que teriam sido vítimas do estupro, tem  idade entre 14 e 17 anos. Em um vídeo divulgado nas redes sociais antes de ser preso, o pastor alegou que iria provar na Justiça a sua inocência, afirmando que foi vítima de uma armação.

Teixeira responde por estupro, estupro de vulnerável e violação sexual mediante a fraude.

Foto: Reprodução Redes Sociais