Antônio Boaventura

antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br

O governo municipal apresentou nesta terça-feira (18) no Centro Municipal de Educação Adamastor, no Macedo, um documento norteador para atenção integral a saúde da pessoa idosa de Guarulhos. De acordo com informações obtidas pelo HOJE, existem quase 150 mil pessoas consideradas idosas na cidade.

“Todos nós vamos envelhecer. Mas, é importante envelhecer com dignidade. Quando eu não tenho uma calçada ideal na minha cidade, eu posso cair e ter medo. Quando deixamos de fazer aquilo que queremos, nós vamos nos isolando do nosso convívio social. Nós estamos aqui para que esse povo não tenha isolamento social”, disse Ana Kantzos, secretaria de Saúde.

Estudos revelam que a população brasileira na década de 60, as pessoas morriam por volta de 60 anos. Na década de 80, a expectativa de vida saltou para 70 anos. Atualmente, as mulheres vivem por até 80 anos em média e os homens 75.

Entretanto, a Secretaria Municipal da Saúde entende que esta população precisa da atenção da administração pública, e dos serviços que ela possa oferecer em condições adequadas para sua integração social. A mesma também ressalta que é necessário haver respeito com os idosos e planejamento das políticas públicas para este público.

“E para que o idoso não perca tudo aquilo que eles conquistaram com respeito. Nós temos que preparar esse povo para recebê-los na sociedade. Nós temos que ter respeito de uma vida e saber planejar esta cidade para o futuro. Nós temos que saber planejar as ações das unidades básicas para que tenham integração com esse idoso”, encerrou.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here