Número de acidentes em vias urbanas de Guarulhos tem alta de 30% em 12 meses

Reportagem: Antônio Boaventura

[email protected]

O número de mortes no trânsito nas vias urbanas em Guarulhos registrou alta de 30% no mês de dezembro do ano passado em comparação com o mesmo período de 2017. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (21) pelo governo do estado, por meio do Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga-SP).

Se por um lado o número de acidentes nas ruas e avenidas do município cresceu, nas rodovias [Presidente Dutra, Fernão Dias, Ayrton Senna e Hélio Smidt] que cortam a cidade este registro apresentou queda de 30%. Foram quatro acidentes fatais em dezembro de 2017 contra três no mesmo período do ano seguinte.

Em dezembro do ano passado, houve 15 vítimas fatais no trânsito guarulhense tanto em trechos de rodovias quantos em vias da cidade. No mesmo período em 2017, o Infosiga registrou 8 acidentes nestas proporções. Ou seja, um aumento de quase 50%. Os dias com maior índice de acidentes no município são domingo, sábado e sexta-feira. Estes envolvem acidentes com automóvel, bicicleta, caminhão, motocicleta, ônibus e pedestre.

O Infosiga-SP é um relatório que traz informações mensais sobre acidentes e óbitos em consequência de ocorrências no trânsito, em todo o Estado. O documento apresenta dados do gênero, faixa etária, perfil da vítima e tipos de acidentes.

O programa do governo do estado de São Paulo tem como principal objetivo reduzir pela metade os óbitos no trânsito no Estado até 2020. Inspirado na “Década de Ação pela Segurança no Trânsito”, estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) para o período de 2011 a 2020, o comitê gestor do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito é coordenado pela Secretaria de Governo.