Cinco opções de passeios em SP para curtir frio e natureza

São Paulo tem variados destinos para aproveitar as quatro estações do ano. Para aproveitar o friozinho do inverno, a Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente separou as opções de parques estaduais localizados nas serras da Mantiqueira e do Mar para visitar nos dias frios.

Há sugestões para todos os gostos, seja trilhas em florestas, praias, montanhas, cachoeiras, cavernas ou paisagens diversas, todas elas estão disponíveis no site Guia de Áreas Protegidas. O site foi criado para divulgar as riquezas do ecoturismo, do turismo de aventura, das atividades de preservação ambiental ou o puro contato com a natureza e disponibiliza as unidades de conservação por município em todas as regiões do estado de São Paulo. Os visitantes podem adquirir também o Passaporte das Trilhas do Estado de São Paulo, disponível em alguns parques e na sede da Secretaria, e aproveitar para conhecer melhor cada unidade.

1. Parque Estadual Campos do Jordão (PECJ)

Para quem gosta do ar puro e do friozinho da montanha, o PE Campos do Jordão é o local ideal. Primeiro parque do Estado, o PECJ apresenta um patrimônio natural riquíssimo e sua história guarda ligação estreita com o desenvolvimento econômico paulista, principalmente a partir de culturas florestais madeireiras.

2. Monumento Natural Estadual (MoNa) Pedra do Baú

Quem estiver em Campos do Jordão no feriado não deve deixar de dar um pulinho até a Pedra do Baú, em São Bento do Sapucaí. O Monumento Natural Estadual (MoNa) Pedra do Baú é formado por um fantástico Complexo Rochoso situado no meio da exuberante Mata Atlântica, da qual restam aproximadamente 8% da sua porção original. Está encravado na Serra da Mantiqueira e é considerado um dos principais pontos de escalada técnica do estado de São Paulo, contendo inúmeras vias de escalada.

3. APA São Francisco Xavier (APASFX)

Antes de tomar o rumo da serra ou do litoral, outra opção é a APA São Francisco Xavier, no distrito do município de São José dos Campos. Os principais atributos da APA são seus recursos hídricos, a cultura tropeira e o primata muriqui, considerado o maior macaco das Américas. Esse é um importante local de atração para o turismo regional. Possui belíssimas paisagens e cachoeiras características dos ecossistemas da Serra da Mantiqueira.

4. Estação Ecológica de Bananal

A EE de Bananal ajuda a proteger um dos últimos remanescentes de Mata Atlântica do estado de São Paulo. Está localizada na Serra da Bocaina, próxima à divisa com o estado do Rio de Janeiro. Conhecida como o paraíso das bromélias, abriga muitas espécies importantes de fauna. Lá se encontra, também, um trecho preservado de 800 metros da histórica trilha do ouro, um caminho de mais de 300 anos, construído por mão de obra escrava e todo calçado por rochas.

5. Parque Estadual Serra do Mar – Núcleo Cunha

O Núcleo Cunha do PESM protege importante remanescente de matas nebulares, a mais de mil metros de altitude, com árvores de grande porte como cedro, peroba, maçaranduba e araucária, que abrigam bromélias, orquídeas e samambaias. As florestas preservam importantes mananciais para o abastecimento de água das cidades do Vale do Paraíba e até mesmo do Rio de Janeiro. Há também muitas espécies exclusivas em risco de extinção, como o sagui-da-serra-escuro, o mono-carvoeiro e o sauá, e aves como o macuco, a jacutinga, a saudade, o cuiú-cuiú, o negrinho-do-mato, o pavó e o gavião-de-penacho.