Prefeitura já cadastrou 200 pessoas que tiveram moradias afetadas em incêndio no Ipanema

Equipes da Prefeitura de Guarulhos e voluntários deram prosseguimento nesta sexta-feira (13) à força-tarefa iniciada pelo prefeito Guti durante o incêndio ocorrido na comunidade do Jardim Ipanema na tarde de quinta-feira (12). Até o momento, a Prefeitura cadastrou cerca de 70 famílias que tiveram suas moradias afetadas pelo fogo, o que representa cerca de 200 pessoas. 

Em solidariedade aos munícipes que perderam suas casas, as equipes ofereceram um espaço para acolhimento em caráter emergencial, porém, as famílias optaram pelo abrigo em casas de parentes e amigos. “Logo que fui informado sobre o incêndio cancelei a agenda e convoquei as equipes para prestar o atendimento. Não iremos resolver de um dia para o outro, mas estamos empenhando todos os esforços para ampará-los”, afirma o prefeito Guti. 

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Vila Barros realizou atendimento psicológico e com assistente social na ONG Instituto de Cidadania Ipanema, localizada na rua Laranjeiras, 3, Jardim Scyntila, que fica próxima à área atingida. Durante o dia todo, uma enfermeira, auxiliares de enfermagem e agentes comunitários de saúde permanecerão no local para cadastrar as famílias, ajudar na organização das doações, bem como prestar assistência. Além disso, os profissionais realizaram visitas domiciliares a pacientes acamados para avaliação do estado de saúde por conta da inalação de fumaça.

O Fundo Social de Solidariedade e a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) distribuíram doações. Foram 2.050 peças de roupas, 75 pares de calçados, 576 litros de água, além de colchões, cobertores, alimentos secos, marmitex, fraldas, água e kits de higiene pessoal. 

Foto: Ivanildo Porto